O governador em exercício Paulo Brant participou, na quarta-feira (15/5), da posse da nova diretoria da Associação Mineira de Municípios (AMM), ocorrida durante a 36ª edição do Congresso Mineiro de Municípios, em Belo Horizonte. O prefeito de Moema, Julvan Lacerda, comandará novamente a instituição pelos próximos dois anos.

Em discurso aos prefeitos, Paulo Brant ressaltou o trabalho desenvolvido pela atual gestão, com o objetivo de retomar o desenvolvimento econômico e transformar Minas no melhor Estado para se empreender no Brasil.

“A participação dos prefeitos e municípios é fundamental. Precisamos criar ambiente amigável, fazer com que empreender seja amigável, e internacionalizar Minas, que tem toda a condição para isso. Acreditamos que as soluções precisam ser buscadas de forma descentralizada, junto aos municípios”, declarou Brant, citando também como ações da atual gestão a prestação de serviços públicos de melhor qualidade para a população e o resgate da capacidade do Estado de honrar compromissos.

Sobre a relação com os municípios, Brant destacou o federalismo como essencial para melhorar a situação econômica enfrentada pelos prefeitos. “Nos últimos anos, houve centralização do poder nas mãos da União e isso está hoje no limite, tornando-se um empecilho. É preciso resgatar o federalismo, o poder dos prefeitos, dos governadores”, afirmou. Em seu discurso o governador em exercício elogiou a atuação da AMM na consolidação do acordo entre o Governo de Minas e os municípios mineiros para a quitação dos repasses deixados em atraso pela administração passada.

O presidente da AMM, Julvan Lacerda, também relembrou a assinatura do acordo histórico entre governo mineiro e municípios e ressaltou a postura adotada pela atual gestão no relacionamento com os prefeitos. “Espero, e acredito, que esse atual governo, pelo que já tem mostrado, vai se comportar diferente do governo passado e vamos poder dar as mãos para reconstruir o nosso Estado, que foi dilacerado”, avaliou.

Atualmente, a AMM tem 703 municípios filiados, um recorde desde a sua criação. Foram eleitos 44 prefeitos para a direção da instituição no biênio 2019-2021.Também participaram da solenidade a secretária de Agricultura, Ana Valentini; o secretário de Cultura e Turismo, Marcelo Matte; o diretor-presidente da Emater, Gustavo Laterza; o defensor público geral de Minas Gerais, Gério Patrocínio; lideranças políticas e empresariais.

Crédito foto: Renato Cobucci/Imprensa-MG