O governador Romeu Zema participou, nesta segunda-feira (21/10), da comemoração pelo aniversário de 128 anos da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), completados na última quarta-feira (16/10). Durante a visita, Zema se reuniu com funcionários e autoridades responsáveis pela pasta e assistiu a uma apresentação sobre o projeto de Zoneamento Ambiental e Produtivo, ferramenta que busca fazer um diagnóstico das sub-bacias hidrográficas estaduais, com foco na sustentabilidade dos recursos.

Na oportunidade, o governador destacou a importância da proximidade com a equipe e com o secretariado para entender melhor as demandas e fazer uma boa gestão.

“Eu fico realmente surpreso quando a secretária Ana (Valentini) me diz que nenhum governador esteve aqui antes, porque durante a minha carreira profissional o que eu mais fiz foi estar em campo com quem trabalhava comigo. É olhando nos olhos, escutando a voz, que nós conhecemos as pessoas realmente. Não é através de comunicados frios e impessoais, que muitas vezes chegam pela internet ou por um jornal. Por isso, não tenho medido esforços para manter esse relacionamento. Nós colocamos aqui um secretariado que é o melhor possível. Durante os meses de novembro e dezembro, fiquei praticamente o tempo todo entrevistando pessoas para chegarmos a esse time que temos hoje. E o time tem dado bons resultados”, afirmou.

O governador lembrou que o setor mineral teve uma queda de quase 30% na produção no primeiro semestre deste ano frente ao mesmo período do ano passado, sendo que a agricultura cresceu mais de 7% no mesmo intervalo, compensando o desempenho da mineração. “Isso tem contribuído muito na geração de empregos”, observou.

Entre janeiro e setembro, Minas registrou a criação de 110 mil vagas de empregos com carteira assinada. De acordo com Romeu Zema, a agricultura transformou a realidade de algumas regiões, como o Alto Paranaíba, Triângulo e Noroeste do estado. “Temos um potencial gigantesco. Muito do que pode ser feito pela agricultura no Estado está nas mãos de vocês”, lembrou.

Ainda durante a mensagem para os servidores da pasta, Romeu Zema fez que questão de enfatizar: “Vocês não trabalham para o governador, vocês trabalham para o povo mineiro. Os governantes anteriores se esqueceram que o Estado existe para servir”, finalizou.

Zoneamento Ambiental e Produtivo

Após a visita para conhecer as estruturas da Seapa, o governador participou de uma apresentação realizada pela secretária Ana Valentini e por subsecretários da pasta. Zema aprofundou sobre a ferramenta desenvolvida para fazer o Zoneamento Ambiental e Produtivo (ZAP). O projeto permite a realização de um diagnóstico das sub-bacias hidrográficas, viabilizando a sistematização das informações sobre seu potencial produtivo, levando em consideração as limitações do uso dos recursos naturais, de forma a garantir uma produção sustentável.

“A ideia é que, no futuro, possamos ter o estado todo mapeado, e que as informações disponibilizadas por essa metodologia possam auxiliar no diagnóstico das áreas impactadas e na elaboração de um plano de adequação e recuperação das propriedades, com o foco na sustentabilidade”, afirmou a secretária de Agricultura, Ana Valentini.

Segundo o subsecretário de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Rural Sustentável, Amarildo Kalil, que também participou da apresentação, a metodologia não é capaz de solucionar, sozinha, a questão da sustentabilidade hídrica, mas é um passo importante na busca por soluções. “Essa ferramenta, por si só, não resolve o problema, mas traz dados e informações técnicas essenciais para que as providências sejam tomadas de forma assertiva”, disse.

Foto: Marco Evangelista/Imprensa MG